Vídeos e Receitas de Sobremesas | I COULD KILL FOR DESSERT

Siga o ICKFD nas redes sociais

Decoração de bolos com flores de verdade

Publicado em:

bolos-com-flores-ickfd-brides

Adicionar mais cor às suas criações gastronômicas é como um toque de luz. E se você acha que flores de verdade não combinam com comida, vem cá dar uma olhada nessas fotos. Um bolo de casamento, de aniversário ou de qualquer comemoração especial vai ficar ainda mais vibrante! No planejamento do seu bolo, dê preferência às flores comestíveis, mas atenção: elas precisam ser sempre orgânicas e tratadas com produtos naturais para evitar insetos e fungos.

No mercado, a variedade é grande e as que têm recebido atenção especial dos chefs são as minirrosas, a capuchinho e o amor-perfeito, que não só decoram bolos como também diferentes sobremesas e saladas. As espécies mais comuns na decoração de bolos são as rosas, orquídeas e margaridas, mas vai do seu gosto escolher as que vão completar a sua obra comestível.

Ah, sempre pergunte ao florista quais flores não causam nenhum problema, porque algumas espécies são tóxicas – jasmim e tulipas, por exemplo. Nesse post aqui você aprende um pouco mais sobre cada espécie. É importante lavar as hastes, folhas e pétalas das flores que serão colocadas sobre o bolo, pois podem conter pesticidas e alguns micróbios. Delicadamente, passe-as em água fria e deixe que sequem num papel toalha. Na hora de fazer o arranjo, evite deixar a flor em contato direto com o bolo – para isso, use aqueles papeis celofanes de forminhas de brigadeiro, sabe? É só fazer um furo no centro de um deles e passar o cabo da flor ali, depois cortar o papel de modo que ele não apareça na decoração.

Tá vendo esse bolo lindo logo abaixo? É o Bem Casado, feito com mousse de doce de leite e pão de ló! Essa decoração com as flores ficou lindona, né? Clique aqui para conferir a receita completa!

bolo bem casado 6

Para evitar que os caules entrem no bolo, existem alguns truques na hora de encaixar as flores. Veja qual você prefere:

  1. Se o bolo for grande, vale a pena investir em tubos finos (tipo tubos de ensaio, mesmo). Você vai colocar um pouquinho de água dentro de cada um e depois arrumar a flor ali dentro. Depois, basta encaixar o tubo no bolo de modo que a água não vaze na massa. A decoração vai ficar mais higiênica e as flores vão durar mais, já que estão em contato com água.
  2. Se o bolo for menor ou você não encontrar os tubos, encaixe cada caule num canudo plástico. O problema, aqui, é que as flores não vão estar na água. Portanto, deixe-as num copo com água dentro da geladeira até a hora de servir o bolo e só então prepare a decoração.
  3. Aqui é o mesmo esquema: deixe as flores em água na geladeira, já que a proteção delas será feita com uma camadinha de papel alumínio. Basta enrolar e proteger bem os caules e depois decorar o bolo.

Mas assim, ó… Vou te falar uma coisa. Se você quiser decorar seus bolos num estilo como esses daqui, basta se certificar de que as pétalas estejam bem limpas e depois arrumá-las como quiser sobre a cobertura. Já que são comestíveis e estão higienizadas, não vão matar ninguém ;D

bolo-com-flor-verdade-ickfd-design love fest bolo-flor-verdadeira-localmilk-ickfdbolo-com-flor-verdade-ickfd-klitzekleinesblog bolo-com-flor-verdade-ickfd-red velvetfotos: Design Love Fest, Klitsekleinesblog, Localmilk, Red Velvet, Brides.

Além das flores, como eu disse lá no começo do post, é um charme adicionar saladas e outros pratos com flores lindas e frescas. Aqui você aprende a receita de uma salada primavera e aqui de uma panna cotta com geleia de damascos. Sucesso total!

salada primavera 2fontes: Ehow/Escola de Bolo

Tipos de Merengues

Publicado em:

SONY DSC

O merengue é a junção da clara com o açúcar. É muito usado na confeitaria e faz qualquer sobremesa ficar ainda mais deliciosa. Não é à toa que desde o século XVI usamos esta invenção, que pode ser incrementada em tortas, soufflés, mousses e outras receitas.

Cada merengue adiciona uma textura diferente devido aos graus variados de estabilidade. Dá uma olhada:

Merengue Francês: É usado principalmente para fazer suspiros e receitas que vão ao forno, pois as claras são batidas cruas e precisam ser assadas. Para fazê-lo, basta bater as claras em neve com metade do açúcar (o que vai depender de quantas claras você vai utilizar) e, quando o volume quadruplicar, acrescentar a outra parte. Este merengue é considerado o mais simples dos três e deve ser consumido o quanto antes, já que não é estável.

Merengue Italiano: Você vai precisar de um termômetro, porque este merengue é feito a partir de uma calda de açúcar. Ela deve estar a 121°C (ponto de bala mole) e ser adicionada com cuidado às claras já levemente batidas. Depois, é preciso aumentar a velocidade da batedeira ao máximo e bater até que o merengue fique frio.

O merengue italiano pode ser usado como coberturas de bolos ou substituir o creme de leite em mousses. Ele também é utilizado na preparação de marshmallowsclique aqui para conferir algumas receitas.

Merengue Suíço: Neste tipo de merengue, as claras e o açúcar vão ao fogo em banho-maria, até atingirem 60°C (para que o açúcar se dissolva). Depois, é só bater em velocidade máxima durante aproximadamente 10 minutos, ou até que o merengue esteja em temperatura ambiente. É quase como uma junção entre o Francês e o Italiano. Para a receita, clique aqui!

O merengue suíço é utilizado nas receitas de macaron por ser mais estável e resistente que o francês.

SONY DSCfotos: Franciele C. Oliveira

Dica: Se você quiser deixar seu merengue mais colorido, pode acrescentar um pouco de corante, sempre pelas bordas da tigela, quando estiver quase pronto. Você também pode fazer um merengue com sabor acrescentando algum tipo de essência ou no caso do merengue italiano substituindo a calda de açúcar por uma calda de polpa de fruta com açúcar.

Como fazer cobertura bicolor para cupcakes

Publicado em:

cupcake-cobertura-dupla-ickfd-sweetapolita

Olha, se existe alguém que merece meus aplausos sinceros, esse alguém é aquele que consegue decorar um cupcake com perfeição. Sabe, né? Com as voltinhas da cobertura delineadas tão simetricamente que parece até um bolinho de mentira. Se você é essa pessoa, receba meus parabéns virtuais porque você é sensacional!

Nesse post, trago aqui uma dica para o seu cupcake atingir outro level na escala “lindezas de cobertura” (selo de aprovação Mari Mori). Coberturas bicolores, que tal?

bico-de-confeitar-dupla-cobertura-cupcake-preparedpantry-ickfdfoto: Prepared Pantry/ foto de topo: Sweetapolita

Na verdade, é tudo bem fácil de fazer. Você vai precisar de três sacos de confeitar, sendo que o terceiro pode ser ligeiramente maior que os dois primeiros, e um bico bonito da sua preferência. Nesse post aqui tem vários modelos pra você escolher.

Bom, depois disso, basta preparar a cobertura desejada e dividi-la em duas partes. Se você usar um creme à base de cream cheese, por exemplo, dá pra colorir uma das partes com purê de frutas vermelhas e deixar a outra branquinha. Vai da sua imaginação ;D

As fotos são do site do Four Seasons Hotel:

bicos-de-confeitar-cobertura-dupla-ickfd-fourseasons

Acho que é mais aconselhável manter a mesma base de cobertura para formar esse efeito, porque daí você não corre o risco de ter um lado mais estável e outro mais mole. É claro que não tem problema, nesse caso, fazer um buttercream com metade chocolate e metade baunilha, como a Ju, do Cupcakeando, fez.

cupcakeando-cupcake-cobertura-dupla-ickfd

“Mas Marina, se eu quiser colocar mais cores e fazer uma cobertura supercolorida?”, você vai me perguntar. Minha linda, você pode! Olha só que chique essa combinação de três sabores. Na receita, ela usou uma parte de cobertura de cream cheese com Nutella, outra com manteiga de amêndoas e cream cheese e a terceira com cream cheese e baunilha. Consegui sentir o gosto só de falar :P

decoracao-bico-de-confeitar-triplo-cupcake-goodlifeeats-ickfddecoracao-bico-de-confeitar-triplo-cupcake-goodlifeeats-ickfd2Good Life Eats

Então, já teve alguma ideia para esse fim de semana? Espero ter ajudado com essa inspiração ;D

Ah! As receitas de cupcake você encontra aqui e, as de cobertura, aqui.

Beijocas

Dicas para Verrines

Publicado em:

ichigoshortcake-verrines-ickfd

Verrine é uma forma de servir/apresentar preparações em porções pequenas, ou relativamente pequenas. Tratam-se de porções individuais servidas em copos, taças, que dessa forma se demonstram como um cuidado e uma atenção especial a quem vai receber a sobremesa.

Servir alimentos em taças/copos confere altura às preparações e, além disso, permite a apreciação do aspecto visual como nenhuma outra forma de serviço, segurando-o em mãos como quem aprecia uma fruta colhida.  Não é necessária a adição de alguns ingredientes com função de espessar as verrines, já que quem vai dar forma (corpo) ao preparo é o “copo”. Assim verrines são formas de simplificar e possivelmente reduzir uso de aditivos e tempo de preparação, um modo de dinamizar serviço, logo, economia.

As formas de montagens de verrines são ilimitadas, mas aqui vão algumas dicas:

Doce / Salgado: Não limite o uso de verrines apenas para sobremesas, algumas entradinhas ficam muito charmosas em verrines também!

fraise-basilic-verrines-ickfdFraise Basilic

Contraste visual: É bom usar camadas com cores e texturas contrastantes para poder abusar da exposição que as verrines oferecem.

veryblush-verrine-ickfdVery Blush

Aromas: As especiarias e ervas aromáticas são as principais formas de dar aroma às preparações frias. Além delas, temos as raspas de cítricos e algumas frutas entre outras opções. Se possível reserve um espaço na camada superior para adicionar elementos aromáticos. De repente até para flambar, quem sabe?

Copos e taças: Pode ser interessante tanto o uso de um padrão uniforme quanto o uso de modelos diferentes no mesmo serviço, contendo o mesmo volume de sobremesa (pra não ter briga).

Diagonal: No caso de cremes, mousses, gelatinas, manjares e outros preparos que vão se firmando com o tempo, pode-se inclinar os copos para gerar efeitos visuais desejados. Espere firmar por completo para a adicionar novas camadas.

hintofvanilla-blogspot-caHint of Vanilla

Variedade: Bolo, creme, sorvete, pão de ló, mousse, farofinhas de biscoito, caldas e geleias de frutas, ganaches… Aqui no site você encontra uma infinidade, recombine suas favoritas e monte suas verrines. Essa abaixo foi feita com granola e iogurte, clique aqui para a receita!

verrines-ickfd-granola

Evento Especial sem complicação na hora da sobremesa: Convide pessoas queridas para um jantar especial, faça as verrines e deixe-as todas montadinhas na geladeira. Na hora de servir a sobremesa, nada de ficar desenformando, montando e fatiando pratos! Vá curtir suas visitas, conversas e todos os contrastes do momento.

foto de topo: Ichigo shortcakes

Deixe a calda escorrer! Inspirações de bolos indulgentes

Publicado em:

stylemepretty-bolo-decoracao-calda-ickfd

É sempre assim: mal o bolo entra no forno quente, cru e cheio de querer crescer, eu já mexo minhas mãos ansiosas em busca de uma cobertura que complete o doce. Porque às vezes – não sei se isso acontece com você, mas aqui é corriqueiro – a decisão da calda surge enquanto o bolo ganha vida lá dentro, sabe? Quase nunca sirvo bolo sem calda, afinal um nasceu para o outro assim como eu nasci para os dois, então só resta decidir como será a textura e o sabor da cobertura mais líquida – será que uma ganache, um fondant ou aquele caramelo ousado.

Por causa dessa união linda de massa fofa e calda úmida, é preciso pensar no resultado final, a decoração. Neste post, venho propor que o seu próximo bolo seja indulgente! Deixe a calda escorrer, seja ela de chocolate, caramelo ou geleia. Permita que ela percorra as laterais do bolo, conquistando espaço e provocando quem quer que esteja olhando. Se você quiser receitas para te ajudar, clique aqui. Vale até fazer um brigadeiro mais mole e espalhá-lo por um bolo recém saído do forno!

Separei aqui algumas fotos incríveis para aflorar a criatividade em você. Aqui você confere muuuuuitas receitas de bolo, então só falta correr pra cozinha, né? Para começar, o de Churros, feito com a massa de canela mais fofinha do mundo e coberta com doce de leite ;D

bolo churros 5

thesugarhit-bolo-decoracao-ickfdstylesweetca-bolo-decoracao-calda-ickfddesignaporter-bolo-decoracao-calda-ickfdpopsugar-bolo-calda-ickfdbutterlustblog-bolo-infantil-dinossauros-ickfdbolo-decoracao-calda-festivalbrides-ickfdthekitchenmccabe-bolos-decoracao-calda-ickfdchocolate_turtle_cake-bolos-decorados-thecakeblog-ickfdcallmecupcake-bolos-decoracao-ickfdcooked-bolo-gingerbread-calda-ickfdcallmecupcake-bolo-decoracao-smore-ickfdFontes: Style me Pretty, the sugar hit, style sweet ca, design a porter, pop sugar, butterlust blog, festival brides, the kitchen maccabe, the cake blog, call me cupcake, cooked.

Beijo e bom bolo pra você ;D

Como fazer mousse sem gelatina incolor

Publicado em:

Dica enviada por Mona Guerra de Belo Horizonte – Minas Gerais

Foto: Classy Miss Molassy

Para fazer mousses sem gelatina incolor e ter o mesmo resultado, basta acrescentar nas claras uma pitada de sal e bater bem.

Ela vai ficar beeeem durinha e cremosa ao mesmo tempo. Este segredinho vale também para qualquer receita em que seja necessário usar claras em neve, como por exemplo suspiros e macarons.

*Essa dica ainda não foi testada pelo ICKFD, mas em relação ao macaron, feito com merengue francês, a dica não é válida, pois as claras não devem ficar extremamente duras, pois começam a soltar água.

Como fazer sempre receitas perfeitas

Publicado em:

Seguir uma receita pode de início parecer a coisa mais simples do mundo, mas não é. Lembro que em minha classe de gastronomia, cheia de estudantes treinando, estudando bem suas receitas, era simplesmente impossível ter uma preparação igual à outra.

Uma receita bem sucedida depende de alguns cuidados muito simples, e que às vezes, na hora da correria e na ansiedade de ver a sobremesa pronta e linda, passam despercebidos e podem ainda te fazer perder toda a preparação. Além do tempo e dinheiro…

São pequenas dicas de organização para que vocês nunca mais errem:

– Se for assar algo, sempre pré-aqueça o seu forno. Nunca coloque nenhuma preparação em um forno frio pois a oscilação de temperatura fará que a sua preparação não cresça corretamente. E também, se você preparar alguma massa e deixar ela na mesa esperando que o forno chegue na temperatura ideal, é bem provável que o fermento comece a agir enquanto espera do lado de fora e, quando entrar no forno, o seu efeito já terá passado.

- Leia e releia a receita! Na faculdade de gastronomia é comum os estudantes receberem suas apostilas com preparações e fazerem fichas chamadas “Plano de ataque”. Neste plano, você coloca com suas palavras o que precisa ser feito e em qual ordem.

– Antes de começar a misturar os ingredientes, primeiro faça a sua “mise en plâce”, quer dizer, coloque todos os ingredientes pesados e separados na sua frente. Assim você evita de quando já estiver preparando aquele bolo delicioso e… ui! Esqueci de comprar fermento!

– As receitas de confeitaria e panificação são muito precisas! Tenha sempre à mão medidores e balancinhas pois, 10 gramas a mais ou a menos fazem muita diferença sim!

– Deixe suas formas untadas e enfarinhadas e/ou devidamente montadas com folhas de papel manteiga, forminhas de cupcake/muffin.

– Ingredientes devem estar sempre na temperatura ambiente! Tire tudo da geladeira se possível 1 hora antes de ser usado pois ingredientes gelados podem comprometer o resultado final da preparação! A não ser que a receita diga o contrário.

- Evite ficar abrindo e fechando o forno quando estiver assando alguma coisa! Geralmente pede-se que não se abra o forno antes de 15 minutos (para massas de cupcakes, bolinhos, etc) para evitar que a preparação afunde.

– Sempre preencha 2/3 da forma, qualquer que seja ela, para que a preparação possa expandir corretamente.

E agora? Estão prontos?

Vamos assar? ;D

Como Usar o Saco de Confeitar Sozinha

Publicado em:

Eu não sei vocês, mas eu sempre tive uma certa dificuldade de colocar a massa da cobertura dentro do saco de confeitar, sem ter ninguém para me ajudar e segurar o saco. Pode parecer besteira e muitas de vocês podem até saber várias dicas de como fazer, mas eu gosto muito dessa aqui abaixo e vou colocar o passo-a-passo de como vocês devem proceder quando estiverem sozinhas:

1. Coloque o bico no saco de confeitar e ajuste para que o saco não fique em cima do desenho do bico.

passo1

2. Coloque o saco dentro de um copo de boca larga. Se o recheio for muito líquido, você vai precisar girar o saco próximo ao bico, para que o recheio não escorra.

passo2

3. Abra o saco por completo, em volta da boca do copo.

passo3

4. Com as suas mãos livres, sem ter que segurar o saco de confeitar, você vai poder preencher com o recheio.

passo4

5. E está pronto! É só fechar o saco de confeitar, tirar de dentro do copo e usar! ;)

passo5