Vídeos e Receitas de Sobremesas | I COULD KILL FOR DESSERT

Siga o ICKFD nas redes sociais

10 Receitas Incríveis de Mousse de Chocolate

Publicado em:

Atenção: as receitas de mousse de chocolate que você verá a seguir parecem inofensivas, mas podem causar uma série de efeitos colaterais. Fique atento aos sintomas de salivação excessiva, estômago roncando, olhares fixos na tela e desejo irreparável por chocolate.

Cada uma das receitas têm uma singularidade, seja no sabor, seja no modo de preparo. Você vai encontrar desde a clássica mousse francesa à mousse de chocolate vegana, feita ou com abacate, ou com leite de coco, ou com tofu. Todas elas são deliciosas e agradam aos mais exigentes paladares, então pegue sua colher e prepare-se para provar cada uma. A experiência será inesquecível.

MOUSSE DE CHOCOLATE CLÁSSICA

Aquela tradicional que nunca sai de moda, sabe como é.

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE E LARANJA COM COINTREAU

Um toque de licor de laranja é sempre bem-vindo ;D

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE COM CREME DE AVELÃ – NUTELLA

Oi, alguém disse Nutella? Me chama que eu vou!

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE, DAMASCO E UM TOQUE DE JACK

Essa é para paladares refinados.

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE E FRAMBOESA NO OVO DE CHOCOLATE

O sabor da framboesa com o chocolate amargo é inesquecível.

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE FEITA COM ÁGUA

Quem disse que chocolate e água não combinam? Essa mousse, servida com crepe francês e calda de caramelo salgado é capaz de derrubar todos os argumentos.

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE VEGAN COM LEITE DE COCO E CHIA

Veganos também podem ser felizes!

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE VEGAN COM ABACATE – TRUFADA

Veganos também podem ser felizes! 2

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE VEGAN COM ABACATE E BANANA

Veganos também podem ser felizes! 3

Clique aqui para a receita completa

***

MOUSSE DE CHOCOLATE VEGAN COM TOFU

Veganos também podem ser felizes! 4

Hahahaha desculpa, gente. Essas mousses são a prova de que é possível fazer sobremesas saudáveis sem nadica de leite, leite condensado ou ovos. Tanto veganos com alérgicos ou intolerantes à lactose podem lamber os beiços com tantas opções incríveis!

Clique aqui para a receita completa

5 receitas de chocolate quente para fazer no frio

Publicado em:

Acho que esse post nem precisa de introdução, né? Vamos ao que interessa, pois: separei uma lista com as melhores receitas de chocolate quente pra você fazer nesse frio ou sempre que sentir vontade de aquecer o corpo e o coração. Vem ver:

CHOCOLATE QUENTE CREMOSO

O chocolate mais fácil, rápido e cremoso desse Brasil! Essa receita é a prova de que não existem desculpas para você ser feliz no inverno.

CLIQUE AQUI para a receita completa

***

CHOCOLATE QUENTE NO POTE

Confie em mim: você precisa ter essa misturinha à mão assim que o frio chegar. Sabe por quê? Ao fim de um dia cansativo, você só precisa misturar algumas colheres desse chocolate em pó com leite quente e pronto! Conforto garantido em alguns segundos <3 Além disso, é uma ótima opção de presente, né?

CLIQUE AQUI para a receita completa

***

CHOCOMEL – CHOCOLATE QUENTE COM CARAMELO

O sabor desse chocolate quente é absurdo. Quem o prova uma vez nunca mais consegue esquecer! Anote a receita e faça-a sempre que precisar sentir um aconchego gostoso.

CLIQUE AQUI para a receita completa

***

CHOCOLATE QUENTE BRANCO COM CHANTILLY DE CHOCOLATE PRETO

Na dúvida de qual tipo de chocolate escolher, melhor combinar os dois de uma vez. O resultado dessa receita ficou impecável: o chocolate quente é ultracremoso e, junto com o chantilly de cacau, deixou essa bebida aerada e delicada. Impossível tomar só uma caneca ;D

CLIQUE AQUI para conferir a receita completa

***

CHOCOLATE QUENTE COINTREAU

O toque especial desse chocolate quente é o sabor cítrico de laranja do Cointreau. Você vai se encantar com o sabor e o aroma dessa versão chocolatuda!

CLIQUE AQUI para a receita completa

***

LEIA TAMBÉM

10 receitas de tortas quentes para comer no frio

Lembrança de festa: torta na caixa de papel!

Do cacau ao chocolate; entenda todo o processo

Chocolate e Páscoa: dois amores eternos

Publicado em:

receita-ovo-de-chocolate-pascoa-surpresa-ickfd4

O que está chegando? O que? O que? A Páscoa! Sim, a data mais chocolatuda do ano. E lógico que não poderíamos passar sem falar sobre o astro principal dessa data, não é mesmo? Se você quer saber mais sobre o chocolate, vem comigo!

Primeiramente, é importante dizer que o chocolate nem sempre foi o queridinho da galera. Antigamente ele não era tão saboroso quanto o que conhecemos hoje, mas sempre teve seu valor. O berço dessa maravilha foi a América do Sul mas, hoje em dia, as maiores plantações de cacau estão na África.

receita-dani-noce-extra-ovo-pave-pascoa-ickfd

Os Astecas e Maias usavam o cacau como moeda de troca. Porém, seu processamento começou no México, que fermentaram as sementes do cacau, secaram, tostaram e moeram. O resultado foi uma pasta, que passou a ser consumida com especiarias. Mas não se engane: não era nada docinho! Pense em um chocolate 100% cacau (lembra que quanto maior a porcentagem de cacau, maior o amargor?).

Foi só por volta de 1500 que os espanhóis passaram a adicionar açúcar ao chocolate além das especiarias. Voilà! Nasceu o chocolate quente que virou febre na Europa. E o ovo de Páscoa? Só veio em 1873, inventado por J. S. Fry, na Europa.

receita-dani-noce-alpino-ovo-pascoa-trufado-ickfd

O chocolate é formado principalmente por partes do cacau, como pasta ou manteiga do mesmo. Isso explica porque geralmente trabalhar com chocolate derretido é muito mais fácil. Os compostos formadores da manteiga de cacau derretem à temperaturas diferentes, por isso a temperagem é tão importante. Ela deve ser lenta, gradual e com movimentação constante. Só assim você vai conseguir que esses compostos se formem novamente de maneira uniforme e homogênea, o que vai te garantir um chocolate brilhante e que derrete apenas na boca.

como-temperar-chocolate-danielle-noce-ickfd-marmore

Sabe aqueles chocolates mais deliciosos, que têm um sabor inconfundível? Pois é, eles passam até 24h no homogeneizador para quebrar esses cristais em partículas cada vez menores e homogêneas. Além, é claro, do fato de eles serem feitos com muito cacau e quase nada de gordura hidrogenada.

A Dani deu todas as informações sobre temperagem nesse vídeo:

E por hoje é só, pessoal! Espero que tenham gostado. Se você ama chocolate e quer saber mais sobre o assunto, confira outros posts deliciosos:

TUDO O QUE VOCÊ SEMPRE QUIS SABER SOBRE CHOCOLATE

14 CURIOSIDADES SOBRE CHOCOLATE

DO CACAU AO CHOCOLATE: ENTENDA TODO O PROCESSO

VILÃO OU MOCINHO? CONHEÇA OS MAIORES MITOS SOBRE CHOCOLATE

Até a próxima.

Bjs,

Cella

Tudo o que você sempre quis saber sobre chocolate

Publicado em:

bolo-de-limao-danielle-noce-fondue-de-chocolate-ickfd2

Amigo de todas as horas, sucesso entre todos os públicos, ingrediente soberano. Embora o chocolate seja capaz de despertar paixões e nossos mais sinceros sorrisos, ele também é o responsável por algumas dúvidas cruéis na confeitaria.

Aqui no ICKFD, já falamos sobre a diferença entre cacau 100%, chocolate em pó e achocolatado, bem como as variedades do cacau em pó (existe o natural e o alcalino). Neste post, respondo algumas perguntas frequentes sobre o assunto, do passo a passo para temperar o chocolate às dicas das melhores marcas. O texto foi baseado nos dois vídeos “Tudo o que você sempre quis saber sobre chocolate mas tinha vergonha de perguntar”, veiculado no canal do YouTube (se você ainda não é inscrito, clique aqui para não perder nenhuma novidade!).

O tema é longo e por isso este é só um recorte das principais dúvidas, mas quem quiser se aprofundar no mundo dos chocolates e aprender mais na prática, recomendo os cursos da chocolatier Simone Izumi. E claro: muito treino!

Vamos às perguntas? (Dica: para acessar as receitas, é só clicar nas fotos)

torta-chocolate-caramelo-salgado-ganache-avela-negresco-oreo-danielle-noce-ickfd-12

Sempre que tento derreter o chocolate em barra ele queima. Por que isso acontece?

A primeira coisa que você precisa fazer é não deixar o fogo muito alto (ou a potência do microondas). Pense no chocolate como algo muito delicado, então o segredo aqui é usá-lo em pedaços pequenos (eu uso em gotas) para que ele derreta homogeneamente.

Outra dica importante é derreter o chocolate em banho-maria: a água da panela não deve encostar na tigela, apenas o vapor quente.

***

Qual marca de chocolate você usa?

Uso os chocolates da Callebaut. Para saber mais sobre a marca, confira o post com as diferentes variedades (em gotas, com mais ou menos cacau, chocolates de origem e por aí vai).

chocolate-callebaut-chips-milkand-ickfdfoto: Milkand/ foto de capa: Benja Kinate

Por que o ovo de Páscoa caseiro fica com bolinhas brancas? E como faz para não ficar esbranquiçado?

Pode ser por vários fatores, como o “sugar bloom”, “fat bloom” ou erro na hora da temperagem. O Fat bloom ocorre quando a manteiga do cacau vai parar na superfície do chocolate e isso pode acontecer tanto na hora da temperagem quanto durante o transporte do ovo pronto. Por conta da variação de temperatura, ele pode esquentar demais e depois resfriar, causando a aparência esbranquiçada no chocolate. No caso do sugar bloom, a mudança drástica na temperatura do chocolate faz com que o açúcar derreta e se cristalize na superfície do chocolate.

De qualquer forma, essas características não indicam que o seu chocolate não pode ser ingerido – ele só vai ficar um pouco feio…

Clique aqui para conferir o post completo do Antonio Nogueira sobre os defeitos no chocolate.

O que é um chocolate de boa qualidade?

É um chocolate que não contém gordura hidrogenada e sim massa de cacau (ou manteiga de cacau, no caso do chocolate branco), açúcar em diferentes proporções (ao leite, meio amargo ou amargo), leite (exceto nos chocolates amargos) emulsificante (lecitina de soja) e algum aromatizante natural (geralmente de baunilha).

receita-ovo-pao-de-mel-chocolate-damasco-danielle-noce-ickfdreceita-ovo-pao-de-mel-chocolate-dani-noce-extra-damasco-2-07

É obrigatório temperar o chocolate para fazer ovos de Páscoa?

Sim. Se você estiver usando um chocolate de boa qualidade, a partir do momento em que ele for derretido a mais de 27˚C a temperagem deve ser feita. Todos os tipos de temperagem e dicas sobre o assunto estão nos posts a seguir:

como-temperar-chocolate-danielle-noce-ickfd

A temperagem é o choque térmico?

Quando você dá o choque térmico, o chocolate começa a cristalizar. A molécula que deve se formar no chocolate durante a temperagem é chamada de Número V: ela é capaz de deixar o chocolate brilhante, durinho (lembra do “snap” e perfeito.

O choque térmico é você derreter o chocolate, destruindo os cristais já formados no chocolate antes, e então tentar formar a maior quantidade de novos cristais número V para que o chocolate fique o mais próximo possível do perfeito.

Tem como fazer temperagem sem termômetro?

É quase impossível fazer uma boa temperagem sem o termômetro. Ao contrário dos termômetros de açúcar, que são caros, os de chocolate são acessíveis e valem muito a pena porque também servem para outras preparações, como cremes. Neste post você confere as diferenças e preços médios de cada variedade.

Dá para temperar chocolate belga sem uma sala refrigerada?

Para qualquer chocolate. A temperagem correta precisa ser feita em um local refrigerado entre 18˚C e 21˚C.

pao-de-mel-dani-noce-ickfd-9

Qual o melhor chocolate para derreter e fazer cobertura?

Um chocolate de boa qualidade tem a indicação de fluidez. Quanto mais fluido, melhor para a cobertura. Se o chocolate derretido estiver muito espesso, é possível utilizar um pouco de manteiga de cacau para balancear a fluidez.

O que fazer com o chocolate temperado que endurece?

Você pode juntá-lo e fazer a temperagem novamente quando precisar. Pode guardar o chocolate num saco ziploc e armazenar no congelador. Depois, na hora de utilizar, basta picar, derreter e temperar.

Às vezes o chocolate fica arenoso quando derreto no microondas. O que isso significa?

Significa que o seu chocolate queimou. Para evitar que isso aconteça, diminua a potência do microondas e pause a cada 30 segundos para misturá-lo.

receita-ovo-de-chocolate-pascoa-surpresa-ickfd4

Chocolate branco é chocolate mesmo?

Um chocolate branco de boa qualidade contém apenas a manteiga como ingrediente que vem do cacau. De resto, ele é produzido com muito leite, açúcar e emulsificantes. Alguns países não consideram o chocolate branco um chocolate por ele não conter a fibra do cacau (parte escura). A legislação dos EUA, por exemplo, só admite a nomeação do “chocolate branco” se o produto apresentar, no mínimo, 20% de manteiga de cacau.

É certo guardar o chocolate na geladeira?

Um pacote de chocolate já aberto não precisa ser guardado na geladeira, e sim fechado e armazenado em um local seco. Ovos de chocolate e bombons prontos podem ser embalados e armazenados em um local seco e fresco, também. Se os produtos são para venda, o ideal é mantê-los em um ambiente refrigerado entre 18˚C e 21˚C.

ovo-de-colher-de-brigadeiro-ickfd-3

Precisa temperar chocolate fracionado?

Não, mas não significa que isso seja algo bom. Pra começo de conversa, chocolate fracionado não é, de fato, chocolate e sim uma mistura cheia de gordura vegetal hidrogenada com açúcares e outros ingredientes irreconhecíveis. Aqui no blog tem um post completo sobre o assunto, dá uma olhada!

Chocolate branco precisa ser temperado?

Sim, qualquer chocolate precisa ser temperado.

Como colorir o chocolate branco?

Existem corantes específicos para chocolate, encontrados em lojas especializadas em confeitaria. Para conferir a loja mais próxima de você, fizemos uma lista de algumas lojas no Brasil aqui.

mousse chocolate com cointreau e chantilly ickfd 3

Como fazer para o chocolate não suar na geladeira?

Deixar menos tempo. Quando a temperagem é feita corretamente, o chocolate precisa de poucos minutos na geladeira. Se esse tempo se prolongar, é normal que se formem gotículas de umidade, portanto retire a forma do chocolate assim que ela estiver esbranquiçada.

É possível substituir o chocolate em barra por chocolate em pó ou cacau 100% em uma receita e vice versa?

Depende muito da porcentagem de cacau e do tipo de chocolate que a receita pede. Como o chocolate em pó varia entre 30 e 70% de cacau (o restante é açúcar), seria preciso fazer uma regra de três para tentar reduzir a quantidade de açúcar da receita ou aumentar a quantidade de chocolate em pó, mas mesmo assim a receita nunca vai ficar exatamente certa com essa substituição.

14 curiosidades sobre o chocolate

Publicado em:

bolo-de-limao-danielle-noce-fondue-de-chocolate-ickfd2

Vamos falar a verdade, chocolate é tudo de bom. Para demonstrar meu amor por este ingrediente versátil e sedutor, separei algumas curiosidades que você provavelmente não sabia sobre o chocolate:

1. O cacau se originou no México e nas Américas Central e Sul. Acredita-se que o cultivo dos grãos começou por volta de 1.250 AC.

gif-trufas-chocolate-ickfdfonte: My Shabrolins – Tumblr

2. Porém, atualmente 70% das plantações estão concentradas na África. A Costa do Marfim é o maior produtor e se faz responsável por cerca de 30% do cacau mundial.

gif-chocolate-como-comer-barra-ickfd

3. Apesar de existir muitos tipos e nomenclaturas para o cacau, as definições mais conhecidas são Forastero, Criollo e Trinitario. Cerca de 90% das plantações são de cacau Forastero, com o qual é feito a maioria dos chocolates processados. O Criollo representa cerca de 1% e o Trinitario cerca de 9%. Estes últimos são considerados tipos mais finos e são muito apreciados pelos conhecedores de chocolate.

gif-14-curiosidades-sobre-chocolatefonte: No You’re Out Of Order – Tumblr

4. São necessários mais de 400 grãos de cacau para fazer apenas 500g de chocolate. Além disso, a demanda por chocolate vem crescendo muito nos últimos anos e estima-se que, no futuro, as plantações de cacau não serão suficientes para tanto chocolate.

chocolate-gif-curiosidade-ganache-ickfdfonte: Food Gifs

5. Uma barra de chocolate contém em média 8 traços de insetos. O cacau é uma planta e passa por vários processos ao ar livre antes de virar chocolate. Então, apesar de parecer nojenta, essa informação faz muito sentido.

gif-chocolate-up-pixar-ickfdfonte: Pixar

6. O chocolate é o único alimento que derrete a uma temperatura média de 34ºC, um pouco abaixo da nossa temperatura corporal. Este detalhe é extremamente importante, pois é por isso que ele derrete na na boca.

choco-dance-gif-chocolate

7. O primeiro chocolate consumido era o chocolate quente. Os Astecas acreditavam que o cacau era um presente divino e seu valor era tão alto que utilizavam seus grãos como moeda. Nessa época o cacau era preparado apenas como bebida. Feito com especiarias e sem leite, o chocolate tinha um sabor amargo e era consumido em ocasiões especiais, como casamentos.

chocolate-quente-astecas-gif-ickfdfonte: Cheezburger

8. E os Astecas estavam corretos em apreciar tanto o cacau. Só o aroma do chocolate já nos relaxa. Ao sentirmos seu cheirinho, as ondas cerebrais Theta são ativadas, o que causa sensação de relaxamento.

chocolate-ganache-gif-ickfdfonte: A square in a world of circles – Tumblr

9. Mas vamos combinar, não dá para cheirar sem dar uma mordidinha, não é mesmo? Consumir chocolate também ajuda a liberar endorfinas, que geram sensação de bem-estar e prazer, e aumenta a produção de serotonina, que acalma e alivia a ansiedade.

gif-amor-chocolate-carolinedirector-ickfdfonte: Caroline Director

10. Além disso, estudos mostram que o consumo de chocolate amargo faz bem para o coração e ajuda a prevenir o câncer de intestino, entre outros benefícios.

chocolate-gif-bob-sponja-ickfdfonte: The Gif Library

11. Apesar de fazer bem para os humanos, o chocolate é um veneno para os cães e gatos. O cacau contém uma substância chamada Teobromina que é facilmente processada pelo organismo humano, porém estes animais não a processam bem e correm o risco de se envenenar. Por isso é importante manter o chocolate longe do alcance dos nossos bichinhos!

chocolate-animais-gif

12. Vale lembrar que, em exagero, o chocolate também faz mal para nós humanos. Consumir 10kgs ou mais de chocolate pode ser fatal para o homem.

chocolate-curiosidades-ickfdfonte: Cheezburger

13. A Nestlé pagou pela famosa receita de Cookies com Gotas de Chocolate com a moeda mais gostosa de todas: o chocolate. Como pagamento, o criador da receita exigiu chocolate para a vida inteira. Nada mal, hein?

gif-cookie-chocolate-curiosidades-ickfdfonte: Buajaja4 – Tumblr

14. A Nutella foi criada devido a escassez de chocolate após a 2 Guerra Mundial. O confeiteiro italiano Pietro Ferrero, precisava de uma boa ideia para lidar com a falta de cacau. Foi assim que surgiu a ideia de misturar avelãs ao seu creme de chocolate. Grazie Mille, Sig. Ferrero!

gif-nutella-chocolate-tumblr-ickfdfonte: Impatient Soul – Tumblr

Acho que depois de tanta informação é melhor a gente relaxar e comer alguma coisinha. Alguma dúvida sobre o que  pegar na despensa?

Do cacau ao chocolate: entenda todo o processo

Publicado em:

chocolate-lascas-raspas-dessertsforbreakfast-ickfdFoto: Desserts For Breakfast

Todo mundo sabe que o chocolate vem do cacau. Mas antes de chegar às prateleiras, os grãos ainda passam por um largo processo. Hoje você entenderá o que acontece desde a colheita até o momento em que essa delícia é embalada, tintim por tintim! Que tal abrir aquela barra e deliciar-se enquanto aprende mais sobre a origem do chocolate?

A primeira parte dessa aventura começa nas plantações. O cacau se dá principalmente em regiões tropicais, de clima quente e úmido. Desde o momento em que são plantadas, as árvores de cacau demoram em média 3 ou 4 anos para tornarem-se furtíferas. Passado esse tempo, começam a nascer flores, das quais apenas algumas sofrem fecundação e desenvolvem frutos.

cacau-fruta-chocolate-james-mollison-ickfdflor-do-cacau-newspsu-ickfdFotos: James Mollison/News Psu

A colheita de cacau acontece duas vezes ao ano, a cada cinco ou seis meses. Após colhidos, os frutos são cortados ao meio cuidadosamente para não danificar as sementes, que estão presas na polpa e devem ser retiradas uma a uma manualmente. Cada fruto contém entre 20 e 40 sementes (mais ou menos do tamanho de uma amêndoa).

semente-de-cacau-thewellingtonchocolatevoyage-ickfdFoto: The Wellington Chocolate Voyage

Depois disso, é feita a fermentação: as sementes são colocadas no chão e cobertas sobre folhas de bananeira ou em caixas de madeira com buracos que permitem que o excesso de líquido escorra. Esse processo, que pode demorar até 8 dias, tem como objetivo evitar a germinação e remover os resíduos da polpa que ficam presos na semente. Concluída esta parte, a cor das sementes muda de bege para roxo e sua acidez é reduzida.

fermentacao-cacau-onthecocoatrail-ickfdFoto: On the cocoa trail

Depois da fermentação, os grãos de cacau ainda estão bastante úmidos. Antes de serem enviados aos fabricantes de chocolate, os grãos devem passar pelo processo de secagem. Normalmente, os grãos (também chamados de amêndoas) são espalhados pelo chão e secam com o calor do sol. Depois de secas, as amêndoas são separadas por tamanho e qualidade – critérios importantes na hora da venda. Logo, são guardadas em sacos e enviadas aos fabricantes de chocolate.

Em geral, os fabricantes de chocolate guardam alguns segredos sobre seus produtos, como a qualidade, tipo dos grãos utilizados e fórmulas especiais de produção. Digamos que existem vários caminhos para chegar até o chocolate, mas cada fabricante tem sua própria trilha.

Ao chegarem às mãos do fabricante, algumas amostras dos grãos passam por testes, onde são analizadas suas características e peculiaridades. Depois, para remover qualquer pedrinha ou restos de terra indesejados, os grãos passam por um processo de limpeza.

sementes-secas-cacau-thewellingtonchocolatevoyage-ickfdFoto: The Wellington Chocolate Voyage

É então que uma máquina separa as cascas dos “nibs” do cacau (sementes trituradas), deixando estes últimos prontos para serem torrados. Em seguida, os nibs são moídos e aquecidos. Por terem em sua composição cerca de 53% de manteiga de cacau, os nibs atingem uma textura líquida durante o processo e se transformam no que é conhecido como “licor de cacau”.

O licor de cacau já pode ser usado para fazer chocolate, transformado em cacau em pó ou ter sua manteiga de cacau extraída para outro propósito. Porém, alguns fabricantes mais exigentes incluem na sua lista mais um processo conhecido como “conching”, que reduz um pouco da acidez do chocolate e faz com que o produto derreta na boca mais facilmente.

licor-do-cacau-static1squarespace-ickfdFonte: Static1 Square Space

Neste caso, a máquina de conching amassa e mistura o licor de cacau e os demais ingredientes (açúcar e leite, no caso do chocolate ao leite) até chegar na textura desejada. Esse processo pode levar horas ou dias, dependendo da qualidade que o fabricante quer atingir.

Por último, o chocolate é temperado e moldado em barras ou em outra forma desejada pelo fabricante. Depois, o produto é embalado e está pronto para chegar às prateleiras.

barra-chocolate-headerhands-ickfdFoto: Heather Hands

Gostou? Pronto para plantar uma árvore de cacau no seu pátio e fazer seu próprio chocolate? Hum… Que delícia!

Fonte: EcoleChocolat.com e Callebaut.com

7 maneiras incríveis de usar Ganache

Publicado em:

7-receitas-com-ganache-ickfd

A ganache é mais uma invenção maravilhosa dos confeiteiros franceses. Nas proporções certas, chocolate derretido e algum líquido se transformam num creme que dá vontade de comer até a última colherada. Talvez você esteja se perguntando como é possível misturar chocolate e outro líquido que não seja o creme de leite (seja ele fresco ou de caixinha), mas a verdade é que dá certo sim!

Além de se tornar cremoso, o chocolate ganha um sabor extra se combinado com sucos, chás e até mesmo vinho. Tudo, claro, na proporção certa e com ingredientes que combinem entre si. O chocolate branco, por exemplo, se transforma numa ganache maravilhosa com suco de maracujá (a receita completa você confere ao fim do post).

SONY DSC

Quando falamos em “proporção certa”, há muito o que se considerar. Você deseja uma ganache mais fluida ou mais espessa? As quantidades exatas de chocolate e líquido vão depender do objetivo da receita, mas esta é uma informação que você precisa saber:

  • Se o chocolate contiver menos sólidos de cacau e mais gordura (manteiga de cacau), a quantidade de creme de leite será menor. É o caso do chocolate ao leite e do chocolate branco. Por outro lado, se o chocolate for amargo (ou seja, contiver mais sólidos de cacau em sua composição), será preciso acrescentar mais gordura (creme de leite) para obter uma ganache cremosa.

A ganache tradicional é feita com creme de leite fresco (ou nata), mas um toque de manteiga, mel ou glucose de milho dão um brilho extra ao preparo. Nas receitas a seguir, você vai conferir sete maneiras diferentes de usar este creme dos deuses:

NO FONDUE

Para que o chocolate fique mais fluido na hora de mergulhar pedacinhos de bolo ou frutas, esta ganache contém mais líquidos (e um toque irresistível de conhaque pra aquecer qualquer um no inverno). Vem, frio!

Receita completa

bolo-de-limao-danielle-noce-fondue-de-chocolate-ickfd***

EM CREPES E PANQUECAS

De vez em quando vale a pena trocar o mel por ganache de chocolate para acompanhar panquecas fofíssimas no café da manhã, né?

Receitas de crepes e panquecas

panquecas-com-chocolate-zerrin-giverecipe-ickfdFoto: Zerrin – Give Recipe
***

NA COBERTURA DE BOLOS (E TAMBÉM NO RECHEIO!)

Você vai se surpreender com a suavidade dessa ganache. Sabe aquela sensação quando o chocolate derrete assim que toca a língua? Então, isso fica melhor ainda quando é junto com bolo!

Receita completa

receita-como-fazer-bolo-devils-food-cake-chocolate-cobertura-ganahce-ickfd-6
***

NA COBERTURA DE CUPCAKES

Para obter uma cobertura firme sem precisar fazer um creme de manteiga (buttercream), a dica aqui é colocar a tigela de metal da batedeira junto com os batedores no congelador. Depois, quando a ganache estiver completamente fria (o que leva cerca de uma hora), basta transferi-la para a tigela gelada.

Bata em velocidade média/alta até que a ganache mude de cor – o tom escuro vai clarear e a textura vai ficar bem aerada (aproximadamente 2 a 5 minutos). Pronto! Hora de decorar o cupcake ;D

Se você preferir uma cobertura mais espessa e intensa, não precisa fazer esse processo. Basta esperar que a ganache esfrie por completo, depois é só colocar no saco de confeitar.

Receita completa

SONY DSC***

NO RECHEIO DE TORTAS

Sim, sim e sim! Na proporção certa de chocolate e creme de leite fresco, é possível fazer um recheio consistente e inesquecível. Tem duas opções de tortas aqui pra você ver:

Torta Oreo

receita-torta-oreo-dani-noce-2*

Torta de Chocolate com Caramelo Salgado

torta-chocolate-caramelo-salgado-ganache-avela-negresco-oreo-danielle-noce-ickfd-8***

NO SORVETE

E com petit gâteau, morangos picados e tudo de bom a que você tem direito nessa vida. Dá uma olhada nessa maravilha:

Receita completa

grand-gateau-paris6-dani-noce-sorvete-leite-condensado-2***

NA MOUSSE

Que também pode se transformar em picolé! Nesta receita, a ganache foi feita com chocolate branco e suco concentrado de maracujá. Depois, o picolé foi montado em camadas de ganache/mousse de maracujá, sorvete de morango e farofa de paçoca. Posso ouvir seu estômago roncando daqui ;P

Receita completa

receita-como-fazer-picole-em-camadas-maracuja-morango-dani-danielle-noce-7
***

Por qual delas você vai começar? ;D

Os melhores chocolates do Duty-free

Publicado em:

Já estamos em janeiro e para muita gente os próximos meses são sinônimo de férias. Se você é um desses sortudos e ainda por cima decidiu dar uma escapadinha pro exterior, com certeza vai passar pelo Duty-free shop. É ou não é?

Como boa formiga, a minha “zona” preferida dessas lojas é a parte dos chocolates, então esse assunto eu domino bem. Para deixar sua viagem ainda mais deliciosa e fazer as horas de espera no aeroporto passarem rápido, trago para vocês uma lista com os melhores chocolates que você pode encontrar nos Duty-free shops.

gif-chocolate-ickfdfonte: Welcometomycrazyoddworld.tumblr

1. LINDT ASSORTED NAPOLITAINS

Se você está em dúvida se quer chocolate ao leite, branco ou amargo, essa é a pedida. A caixinha clássica traz pequenas porções das três variedades e outras versões com avelãs e nozes. Além disso, é uma ótima lembrança!

Esta também é uma boa oportunidade para deliciar-se com o maravilhoso chocolate suíço caso você não more em um dos poucos estados brasileiros em que a loja da Lindt está presente.

chocolates-duty-free-lindt-napolitains-assorted-ickfd-dubaidutyfreefonte: Dubai Duty Free

2. BARRAS MILKA

Essas barras são vendidas em diferentes sabores, entre eles Milka Triolade (uma mistura de chocolate branco, ao leite e meio amargo), Milka Oreo (com uma camada de bolacha Oreo) e Milka Biscuit (com uma camada de biscoito). Todos são deliciosos, mas a minha barra preferida é a Milka Caramelo e Avelãs Inteiras.

chocolates-duty-free-milka-oreo-germandelistore-ickfdchocolates-duty-free-milka-toffee-germandelistore-ickfdfonte: German Deli Store

3. VALRHONA LAIT BAHIBE 46%

Se você é fã de chocolate amargo mas também ama chocolate ao leite, não pode deixar de provar essa barrinha francesa. Trata-se de um chocolate ao leite, porém com alto teor de cacau. Desmancha na boca… Uma delícia!

chocolates-duty-free-varlhona-bahibe-elrincondelchocolate-ickfdfonte: Elrincondelchocolate

4. REESE’S 

O Reese’s é um copinho de chocolate recheado com manteiga de amendoim. Coisa de americano… ou seja, uma dessas invenções gastronômicas loucas que deram muito certo! Se você estiver indo ou voltando dos Estados Unidos, quase certo que encontra esse chocolate nas prateleiras do Duty-free shop.

Ah, e se quiser fazer em casa, clique aqui para conferir a receita!

chocolates-duty-free-reeses-hersheystore-ickfdfonte: Hersheys Store

5. LINDT LINDOR

Pense em um chocolate delicioso. Agora multiplique por três. Quem nunca provou PRECISA provar as trufinhas cremosas da Lindt – OK, já não é segredo que sou fã de carteirinha da empresa.

Cremosas, as trufas derretem na boca e é impossível comer uma só. Elas são oferecidas em diferentes sabores (ao leite, branco, amargo, coco, laranja, morango, avelãs, etc). Apesar de serem pequeninhas, são de chorar de tão boas.

chocolates-duty-free-lindt-lindor-ickfdfonte: Lindt USA

5. CAIXA GRANDE DE KINDER BUENO

O Kinder Bueno dispensa apresentações. A diferença de comprar a barrinha de chocolate, wafer e creme de avelãs no Duty-free shop é que lá você pode comprar uma caixa com vários e fazer um estoque para toda a viagem.

chocolates-duty-free-kinder-bueno-aeliadutyfree-ickfdfonte: Aelia Duty Free

6. GODIVA OPEN OYSTER

Alguns Duty-free shops tem um espaço especialmente dedicado à Godiva, onde você pode montar sua própria caixa de bombons. Nesse caso, as “ostras” de chocolate ao leite são imperdíveis.

Estas são compostas de duas camadas finas de chocolate belga ao leite, imitando uma concha, e uma bola de ganache de creme de avelã imitando a pérola… Mas essa descrição nem faz jus à “ostra” que merecia ganhar o prêmio de melhor bombom da Godiva.

chocolates-duty-free-godiva-oyster-ickfdfonte: Godiva

O que você acha? Tem algum chocolate do Duty-free que você ama mas eu deixei de fora? Comenta aqui!

8 tradições de fim de ano pelo mundo com chocolate

Publicado em:

chocottone-4

Para o chocolate não tem tempo ruim. No calor do verão, ele nos refresca em formato de sorvetes e picolés, e durante o inverno, ele nos aquece em fondues e como bebida.

O mundo inteiro ama chocolate. Por isso, quando chega dezembro ele também está presente nas principais celebrações. Aqui vão algumas delícias de fim de ano onde o chocolate roba a cena.

1. Bûche de Nöel

Parecido com o nosso rocambole, o Bûche de Nöel é servido durante o mês de dezembro na França e em regiões com influência francesa como Bélgica, Líbano e Quebec (Canadá).

A versão tradicional do doce consiste em um génoise (pão de ló branco) recheado com buttercream de chocolate e coberto com ganache. Sua decoração imita um pedaço de tronco de árvore, o que ajuda a decorar a mesa de Natal.

dani-noce-receita-rocambole-trufado-chocolate-buche-noel-2Foto: Paulo Cuenca – CLIQUE AQUI para conferir a receita!

2. Basler Brunsli

Conhecido como o “brownie suíço”, esse biscoito de chocolate e amêndoas não pode faltar nas ceias natalinas do país. A mistura de chocolate em pó, farinha de amêndoas, açúcar, claras de ovo, canela e cravo resulta em biscoitos macios e bem “chocolatudos”.

basler-brunsli-cookies-suicos-oliviascuisine-doce-natalino-chocolate-ickfdFoto: Olivia’s Cuisine

3. Marens-Kornflexkökur

Se você, assim como eu, não consegue pronunciar o nome desse doce, melhor chamá-lo de “biscoito de chocolate e flocos de milho”.

A receita, tradicional da Islândia e popular durante as festas de final de ano, é bem facinha de fazer e leva apenas merengue, chocolate e flocos de milho.

marens-biscoito-natal-islandia-saveur-ickfdFoto: Saveur

4. Chocolate Lebkuchen

A receita do Chocolate Lebkuchen é tradicional da Alemanha. A massa desse biscoito leva todas as especiarias e oleaginosas tão utilizadas na época de Natal. Seu grande diferencial é o banho de chocolate final.

biscoito-natalino-alemao-ickfd-saveurFoto: Saveur

5. Chocolate Caliente Navideño

No Peru, o chocolate quente é especialmente consumido durantes o mês de dezembro. A bebida leva canela e uma grande quantidade de chocolate. Em algumas partes do país, igrejas recolhem doações para preparar a bebida e distribuir entre os mais necessitados junto com uma fatia de panettone.

chocolate-quente-hannagoransson-ickfdFoto: Hanna Goransson

6. Decadent Trifle

Mais que uma simples sobremesa, o Decadent Trifle é um centro de mesa. O doce é elaborado em camadas e servido em taças grandes transparentes. Por suas cores vibrantes, o prato nunca passa despercebido.

Acredita-se que essa delícia tem mais de 300 anos, marcando presença nos livros de receitas ingleses. As versões recentes e mais populares durante as festas de fim de ano americanas incluem ginger cake (uma espécie de pão de mel), frutas, chantilly e, é claro, chocolate! No Brasil, essa maravilha é conhecida como pavê:

receita-dani-noce-pave-extra-2Clique aqui para conferir a receita – Foto: Paulo Cuenca

7. Parrozzo

O Parrozzo, um bolinho em formato de meia esfera, é consumido principalmente durante o mês de dezembro na região de Abruzos, na Itália. Feito com farinha de trigo e de amêndoas, a sobremesa leva uma cobertura de chocolate amargo.

parrozzo-doces-natalinos-thegourmettraveler-ickfdFoto: The Gourmet Traveler

8. Panettone recheado com brigadeiro

Nessa lista não podia faltar nosso delicioso panettone recheado. Apesar de ser uma adaptação do panettone italiano, essa invenção de colocar brigadeiro ou trufa dentro do pão doce e cobrir com chocolate é nossa! E, vamos combinar, é um baita upgrade na versão original!

chocottone-5Clique aqui para conferir a receita deste delicioso chocottone – se quiser, fique à vontade para aproveitar cada pedaço com uma porção generosa de brigadeiro! – Foto: Paulo Cuenca

Conta pra nós: a sua ceia de fim de ano também envolve chocolate? O que sua família costuma fazer durante essas festividades?

Aproveito para desejar umas festas recheadas de chocolate para você e um 2017 bem docinho!

Frauenmond – O chocolate para TPM

Publicado em:

frauenmond-o-chocolate-para-tpm-larissa-piazzi-independent-chocolate-ickfdFonte: The Independent

O chocolate marca presença mais que nunca na rotina feminina quando chega aqueles dias. E que jogue a primeira pedra a mulher que não usa a TPM como desculpa para comprar aquela barrinha no meio da tarde.

Só colocar um chocolate na boca já nos ajuda a atravessar esses momentos tão chatos do mês com um pouco mais de alegria. Porém, para dar um empurrãozinho maior ainda, a empresa Chocolate With Love inventou a barra Frauenmond. A iguaria que contém 60% chocolate e 17 tipos diferentes de erva foi especialmente desenvolvida para aliviar as dores pré-menstruais.

frauenmond-o-chocolate-para-tpm-larissa-piazzi-site-chocolate-mit-herz-frauenmond-ickfdFonte: Chocolate with Love

Marc Widmer, o chocolatier responsável pela invenção, disse em entrevista para o programa 20 Minuten que a sua ideia surgiu quando conheceu uma família que vendia chá para aliviar os sintomas da TPM. Foi então que ele decidiu juntar as ervas com o chocolate.

A Frauenmond, que em português significa “lua da mulher”, promete aliviar as dores devido a interação entre as ervas e o chocolate. Apesar de tratar-se de um doce, o seu custo é um pouco salgado: a delícia vendida pela empresa Chocolate With Love custa cerca de AUD$16 (cerca de R$40,86).

frauenmond-o-chocolate-para-tpm-larissa-piazzi-barrinha-chocolate-caramelo2

BARRINHAS DE CHOCOLATE RECHEADAS DE CARAMELO

Mesmo que essa invenção ainda não esteja disponível no Brasil, nós podemos continuar usando a TPM como motivo para comer chocolate. Isso porque o cacau contém antioxidantes, que melhoram a circulação do sangue, e magnésio, mineral que ajuda a aliviar sintomas pré-mentruais como inchaço, cansaço, depressão e irritação.

Sem falar que comer chocolate também estimula a produção de endorfina que melhora o humor e sensação de euforia. Vale lembrar que quanto mais cacau, maiores são os benefícios.

Quer desculpa melhor para comer chocolate?

As melhores lojas de chocolate em Paris

Publicado em:

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-site-la-maison-du-chocolat-e-architect-patrick-roger-e-la-maison-du-chocolat-entradas-ickfd

A Suíça e a Bélgica podem ter tradição imbatível quando o assunto é sobre chocolates, mas Paris também não deixa nada a desejar nesse quesito! Com todo tipo de variedade, a capital francesa conta com muitas lojinhas de chocolates finos em formatos de trufas, barras de chocolate, bombons, entre outros. Só observar as suas vitrines já é maravilhoso! Pensando nisso, veja onde encontrar os melhores chocolates em Paris para deixar a sua viagem bem doce!

Jacques Génin

O famoso Jacques Génin faz muito bem tanto caramelos e chocolates quanto outros clássicos da confeitaria francesa. Esses dois itens, porém, são mesmo os grandes responsáveis pela sua fama em Paris! Seus chocolates são delicados e feitos com todo cuidado. Além de terem ganhado diversos prêmios da indústria.

Endereço: 133 rue de turenne – paris 3ème

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-orgyness-jacques-génin-entrada-ickfd

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-trotter-mag-chocolates-de-jacques-genin-ickfdFonte: OrgynessTrotter Mag

Patrick Roger

Nas lojinhas de Patrick Roger, você sempre pode esperar encontrar algo que vai te surpreender. Patrick cria vitrines maravilhosas e esculturas de chocolates mais lindas ainda! Em bombons e outros formatos do produto, ele consegue criar sabores tanto refinados quanto os mais exóticos. É muita criatividade para trabalhar com chocolate.

Endereço: 108 Boulevard Saint-Germain, 75006, Paris

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-e-architect-patrick-roger-entrada-ickfd

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-paris-by-the-glass-patrick-roger-chocolates-estantes-ickfdFonte: E- Architect  – Paris by The Glass

La Maison du Chocolat

La Maison Du Chocolat é um lugar que até dispensa maiores apresentações. Ela já ganhou reconhecimento internacional e conta com unidades espalhadas por todo o mundo, mas nada como provar seus chocolates autenticamente franceses enquanto estiver andando por Paris!

Endereço: 225 rue du Faubourg Saint Honoré 75008, Paris

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-site-la-maison-du-chocolat-entrada-ickfd

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-la-maison-phil-roeder-flickr-du-chocolat-caixa-com-doces-ickfdFonte: La Maison du Chocolat SitePhil Roeder @ Flickr

A la Mère de Famille

Com um ar retrô irresistível, a decoração do local parece que consegue nos transportar ao passado. Fundada em 1761, À la Mère de Famille definitivamente tem muita tradição na fabricação de balas, biscoitos e chocolates. Com várias lojinhas espalhadas por Paris, é um lugar que não dá para deixar de ir se você ama chocolates!

Endereço: 35 Rue du Faubourg-Montmartre, Paris

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-wikimedia-commons-a-la-mere-de-famille-paris-ickfd

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-1aixoise-doces-da-a-la-mere-de-famille-ickfd

Fonte: Wikimedia Commons – 1Aixoise WordPress

Jean-Charles Rochoux

Jean-Charles Rochoux mostra suas criações de chocolate em uma lojinha pequena, mas muito charmosa. As opções de bombons, ganaches, pralinés e trufas são muitas! Além de tudo, ele faz esculturas de chocolate lindas em formato de figurinos e animais.

Endereço: 16 Rue d’Assas, 75006 Paris

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-shopikon-jean-charles-rochoux-entrada-ickfd

as-melhores-lojas-de-chocolate-em-paris-mariana-martins-mariandthecity-luxeat-jean-charles-rochoux-escultura-gato-ickfd

Fonte: Shopikon – Luxeat

Chocolate e Vinho – O casamento perfeito

Publicado em:

chocolate-vinho-siftandwhisk-ickfd

Nada melhor que terminar uma refeição com um pedaço de chocolate, não é mesmo? Melhor ainda é acompanhar essa sobremesa divina com uma deliciosa taça de vinho. Mas você sabe qual vinho combina melhor com chocolate?

A resposta é: depende do chocolate. Conforme o teor de cacau do chocolate, alguns vinhos harmonizam melhor que outros. A regra (que sempre tem exceções) diz que, para combinar melhor, o vinho deve ser igualmente doce ou mais doce que o chocolate – e nunca ácido.

Esse efeito acontece porque o doce do chocolate pode elevar a acidez do vinho, e tornar-se desagradável ao paladar.

Então para acertar em cheio na hora de escolher o vinho, aqui vão algumas combinações com chocolate recomendadas por sommeliers que entendem do assunto:

CHOCOLATE BRANCO

trufas-chocolate-branco-vinho-cookdiary-ickfdFonte: Cook Diary – foto de topo: Sift and Whisk

Além da manteiga de cacau, o chocolate branco tem baunilha em sua composição. Vinhos brancos e doces ajudam a equilibrar estes sabores.

Entre os mais recomendados para acompanhar uma barrinha ou sobremesas com chocolate branco, geralmente estão o Moscato e o licoroso Pedro Ximenez. Caso não goste muito de vinhos doces, uma alternativa seria um espumante Chardonnay demi-sec.

CHOCOLATE AO LEITE

chocolate-sprinkles-callebaut-ickfdFonte: Callebaut

Por ser cremoso e menos doce que o chocolate branco, o chocolate ao leite harmoniza melhor com uma maior variedade de vinhos. Os sommeliers indicam saborear essa variedade com vinhos tintos de corpo leve como Pinot Noir, ou corpo médio, como Merlot ou Carmenère.

Vale lembrar que como a regra permite que o vinho seja mais doce que o chocolate, mas não vice-versa, os vinhos doces que casam com chocolate branco também harmonizam bem com chocolate ao leite e sobremesas feitas com o mesmo.

CHOCOLATE MEIO AMARGO

chocolate-variedades-de-cacau-itsmademoisellelove-ickfdFonte: It’s mademoiselle Love

O gostinho mais amargo deste chocolate combina muito bem com vinhos mais encorpados, de taninos densos e sabores intensos. Neste caso, os sommeliers recomendam Cabernet Sauvignon, Malbec e Zinfandel.

Os vinhos Pinot Noir e Merlot também é compatível com chocolates meio-amargo mais suaves (de até 60% de cacau).

Em geral, estas são as combinações que mais funcionam quando se trata de harmonizar vinho com chocolate, mas isso não impede que você não dê asas a imaginação. É apenas testando e provando que você chegará a combinação que mais lhe agrada.

Agora partimos para a parte difícil: provar um montão de vinho com um montão de chocolate e ver qual combina melhor! Que chato, hein? Hehehe!

trufa-de-nutella-caseira-ickfd-dani-noce-9Trufa de Nutella caseira